Noticias

Login

Efetuar registo

Previsão de longo prazo  

Previsão mensal

Imagem praia


Previsão sazonal

Saber mais

Previsão de longo prazo  - PREVISÃO MENSAL e SAZONAL

O IPMA, I.P. elabora previsões do estado do tempo a diferentes escalas temporais e espaciais e a sua frequência depende do período mais ou menos longo que é alcançado pelas previsões.

A previsão até 10 dias, elaborada diariamente pelo IPMA, que engloba previsões a curto, médio e longo prazo, é uma previsão determinista, ou seja, conhecendo o estado inicial da atmosfera, e as condições nas suas fronteiras, é possível prever qual vai ser o estado da atmosfera num instante futuro. A previsão determinista inclui características do estado do tempo, como a nebulosidade, vento, temperatura ou precipitação, havendo uma diminuição do grau de confiança ao longo do tempo e são baseadas em modelos numéricos de previsão globais e de área limitada. No IPMA é efetuada uma análise multi-modelo, embora as previsões de curto e médio-prazo sejam baseadas fundamentalmente no modelo global do ECMWF (“European Centre for Medium-Range Weather Forecasts”) e nos modelos de área limitada: ALADIN e AROME.imagem boletim mensal

A previsão para o período de um mês é uma previsão probabilística, ou seja, corresponde a um cenário futuro mais provável perante determinadas condições iniciais. A previsão mensal separa-se em períodos de 1 semana (2 feira a domingo) e é apresentada de forma estatística, em comparação com a climatologia. Inclui informação de anomalias de temperatura relativamente a valores médios semanais e de anomalias de precipitação em relação a valores semanais acumulados.

A previsão mensal elaborada pelo IPMA, uma vez por semana, é baseada no modelo global do ECMWF (“European Centre for Medium-Range Weather Forecasts”) que vem revelando uma melhor performance nos resultados para o território do Continente. A previsão mensal, disseminada todas as 6as feiras, corresponde a um produto em fase de desenvolvimento e apresenta cenários em termos probabilísticos. A sua utilização deve, por isso, ser feita com reservas, visto que a partir da 2 semana não existe aptidão da previsão para os padrões de tempo de larga escala e o erro da previsão é igual ao de uma previsão baseada numa média climatológica.

O IPMA elabora igualmente uma previsão sazonal baseada no sistema multi-modelo EUROSIP acoplando os modelos ECMWF, MetOffice e Météo- France, a qual é atualizada mensalmente, fornecendo informação para três trimestres de um modo deslizante.

À semelhança da previsão mensal trata-se de uma previsão probabilística, apresentada de uma forma estatística em comparação com a climatologia de referência e baseia-se na análise de anomalias para a temperatura média e precipitação acumulada.

A adoção pelo IPMA, I.P. de um sistema de previsão multi-modelo justifica-se pelos resultados da investigação nesta área que mostraram que combinando os resultados de vários modelos é possível obter uma previsão mais consistente e de maior confiança.

A razão fundamental para os melhores resultados da abordagem multi-modelo, em comparação com os resultados obtidos individualmente por vários modelos, prende-se com o facto de todos os modelos possuírem erros com amplitude suficiente para que exista uma degradação significativa das previsões quando integrados à escala sazonal.

É sempre de relevar que em comparação com a previsão a médio-prazo, a amplitude dos sinais previstos é, para as previsões sazonais, muito inferior e o intervalo temporal sobre o qual se acumulam os erros é muito superior, razão bastante para que as interpretações a fazer dos resultados obtidos devam merecer os maiores cuidados por parte dos utilizadores.

Por se tratar de produtos ainda em fase de desenvolvimento do conhecimento científico e por representar uma leitura probabilística das condições do estado do tempo num prazo alargado, o IPMA declina quaisquer responsabilidades na utilização das previsões mensais e sazonais que são disponibilizadas no Portal, particularmente no que se refere a eventuais danos ou prejuízos que advenham para os utilizadores.

Para utilizadores específicos poderão os serviços técnicos do IPMA prestar apoio de consultadoria que permita uma mais detalhada interpretação sobre os resultados extraídos.