Frota – NI Mário Ruivo

Identificação

navio de investigação - Mário RuivoNavio de investigação - Mário Ruivo

O Navio inicialmente construído como navio de defesa e salvamento submarino foi convertido em 2013, pela Hays Ships, como navio de investigação e “survey” para águas profundas seguindo os padrões mais exigentes da indústria, apresentando um certificado de classe emitido pela Loyds.

Na conversão foram modificadas e construídas acomodações segundo as normas da Maritime Labour Convention, e adicionados um sistema de posicionamento dinâmico (DP), aparelhos de força, gruas e pórticos, bem como compressores para sistemas de sísmica de reflexão, tornando-o um navio particularmente orientado para operações de geofísica e operações com veículos remotos. Desde a conversão tem operado a uma escala global. Em 2014 navegou no ártico russo, no mar do norte, no Atlântico e no Mediterrâneo.

O Navio tem 75 m de comprimento por 15 m de largura, apresenta um calado de 4.5 m.

Tem lugar para 30 investigadores e equipas tecnicas e 16 tripulantes e tem uma autonomia de 40 dias.

Ano de Construção: 1986

Na configuração atual está capacitado para a realização de operações geotecnia marinha, oceanografia, operação com ROV’s (“remotely operated vehicles”) e levantamentos geofísicos. Também irá permitir operações de pesca de arrasto, construção de um laboratório seco e um túnel de congelação

Consulte o Infográfico do NI Mário Ruivo

Estado: Operacional.

Website oficial

Desenhos Técnicos

Histórico de Campanhas

Planeamento de Campanhas

Campanhas previstas para o ano corrente e seguinte

Localização, em tempo real